Hoje tem Guilherme Costa e a Seleção Sub17 às 22:10

22h10 – Sul-Americano Sub-17: Brasil x Colômbia – Esporte Interativo, SporTV e Espn

Na primeira fase o Brasil levou a melhor sobre a Colômbia. Venceu a partida por 5 a 1 e garantiu a primeira colocação do Grupo B. Nesta quinta-feira as seleções voltam a se enfrentar, dessa vez pelo hexagonal final do Sul-Americano Sub-17. O jogo será disputado às 20h10 (22h10 de Brasília), em Quito.

As duas equipes empataram na primeira rodada desta fase final. O Brasil ficou no 0 a 0 com o Uruguai, mesmo placar de Colômbia e Equador.

A Argentina lidera o hexagonal final, pois foi a única equipe a vencer na primeira rodada. Os “hermanos” enfrentam o Uruguai na preliminar do jogo do Brasil. Em seguida o Equador pega o Paraguai. O jogo do Brasil será o último da noite.

Fonte: CBFnews.

Anúncios

Leleu é relacionado para uma partida do Profissional do Galo

Leleu e Dorival Jr.

Leleu sempre foi apontado como jogador de grande futuro no Vasco, do Futsal ao Infantil do Futebol de Campo foram 5 anos de clube. Canhoto, jogou como lateral e volante, deixando o clube logo após a troca de Diretoria em 2008, já com o Carioca Sub15 iniciado.

Comecei na escolinha lá no Rio. Fui chamado para o Vasco, fiquei seis anos lá. O treinador de lá veio para cá e me chamou. Sou da Cidade de Deus – disse o meia-atacante.

No Atlético, passou a jogar de meia-atacante e aos 18 anos recém-completados está treinando no elenco principal desde a semana passada, quando foi relacionado para uma partida com o profissional pela primeira vez. Leleu, ou Claudionor, comemorou a oportunidade na equipe e não escondeu a surpresa com o chamado do técnico Dorival Júnior.

Foi uma surpresa muito grande. Realmente não esperava. Se entrar, vou procurar fazer as coisas certas em campo.

Lances do Meia Naninho na Partida do Sub20 do Vasco contra Flu

Luciano Naninho
(Filmagem e comentários: Maurício Boyd)
A torcida do Flu gritava olé…Naninho entrou e calou a boca da torcida, que passou a ficar preocupada com a reação. Naninho e Rodrigo dinamite entraram muito bem…

Após 5 meses, Dinamite conhecerá onde treinam os meninos do Vasco

Matéria retirada do Globoesporte.com e do Lancenet cuja íntegra vocês podem ler através dos respectivos links, o Presidente do Vasco, Roberto Dinamite, aproveitou palestra na Casa do Saber para informar sobre os projetos para as Categorias de Base do Vasco

Pelos transcrições, foi possível deduzir que o local da concessão será mesmo Maricá, mas que pelas várias etapas que faltam, ainda deve demorar. Então, veio a declaração mais surpreendente, de que iria conhecer área em Seropédica com 5 campos já com estrutura construída e poucas adaptações a se fazer que só pode ser o CT VRP de Pedrinho Vicençote.

Assim, ficamos sabendo que o Presidente do Vasco não conhecia o local onde as categorias de base do Vasco têm treinado desde novembro do ano passado.

Essa constante mudança de local não é o ideal. O mesmo serve para a base. Vou visitar um local já estruturado a custo praticamente zero. Será uma parceria. Isso vai nos ajudar a revelar mais jovens valores para, eventualmente, negociar um ou outro. Assim equilibramos as nossas finanças e aumentamos o pagamento de dívidas – afirmou.

Vou sair para ver um espaço que já existe em Ceropédica (para a base), com cinco campos. Uma área que precisa de alguns retoques apenas. A base é muito importante. Os clubes precisam disso para formar novos talentos – afirmou.

Falta explicar quanto custará efetivamente esta parceira com um empresário que já tem atletas em nossa base, que tipo de parceria será essa, que garantias os atletas que não são deste empresário terão de que as escolhas continuarão justas dentro do clube, e quanto ao acesso, será o local blindado a todos os empresários, incluindo o dono do terreno ou por isso mesmo terá que ser o centro de treinamento franqueado a todos.

Mas bastava que não fosse irresponsável, e tivesse ido conhecer antecipadamente para onde manda todos os dias ir treinar os atletas do futebol de base do Vasco. Tem coisas que não se delega, principalmente àquelas que se tem a exata noção do tamanho da responsabilidade.

Já em novembro de 2010 o Jornalista Gilmar Ferreira em seu Blog Futebol, Coisa & Tal já manifestava suas preocupações:

Olho grande no galinheiro
Por: Gilmar Ferreira, em 05/11/2010 às 11:29

A diretoria do Vasco trabalha para firmar parceria com o empresário Pedrinho Vicençote.

A ideia é ocupar as dependências de seu CT em Itaguaí, levando para lá parte das divisões de base do clube.

O tema está sendo tratado por Alexandre, filho do presidente, e Humberto Rocha, gerente do futebol amador.

Não tenho detalhes do projeto, que pode até ter em seu bojo algo de vantajoso que justifique o acordo.

Mas não me parece politicamente correto instalar a linha de produção do principal ativo do Vasco nas dependências de um profissional cujo o ramo é a venda para o exterior de jovens talentos do futebol brasileiro.

Vicençote, ex-lateral do clube e contemporâneo de Roberto Dinamite em seus tempos de atleta, possui mais de 100 jovens jogadores em seu CT e é hoje um dos maiores exportadores dos chamados “craques de meia confecção”.

Se já assustava saber que o coordenador da categoria infantil do Vasco é um antigo ex-funcionário de Vicençote, assombra agora saber que clube e empresário estão misturando as operações.

O mercado de formação de atletas, parte estratégica na gestão de um clube de futebol, merecia um olhar mais rigoroso e menos “fraternal”, com menos senões e mais transparentes.

Roberto viu agora mesmo o que aconteceu com Zico, no Flamengo.

Pelo jeito, quer ter o mesmo final.

Vasco empresta 3 atletas de sua base à Portuguesa Carioca

Nesta última sexta, 25 de Março, foi publicado o empréstimo de 3 atletas do Vasco da Gama à A.A. Portuguesa do Rio de Janeiro. O atacante Alan Jr., o volante Luan Costa e o Meia-Atacante Maicon Assis.

Destes, apenas Maicon estrourou a idade Júnior no ano passado. Luan e Alan ainda participaram do estadual Sub20 deste ano.

Alan Jr. já estreou neste fim de semana no empate em 2 a 2 com o Friburguense no Luso-Brasileiro.

A Lusa Carioca está disputando a Série B profissional do Rio.

Relação de Jogadores emprestados segundo a FFERJ:
O atacante Alan Jr., o volante Luan Costa e o Meia-Atacante Maicon Assis – Portuguesa
O Lateral Ari, o Centroavante Lipe, o Zagueiro Genilson – Duque de Caxias
O Zagueiro Roberto Jr. – Friburguense
O Zagueiro Hebert, O Lateral Jonathan, Atacante Éder e Luiz Gustavo, o Meia Dico e o Goleiro Gott – VG Atl. Clube.
O Lateral Edu Pina – Boavista
O Volante Mateus – Bahia

Com Guilherme como titular, Seleção Sub17 empata com Uruguai

Sub17 do Brasil 0x0 Uruguai
Pelo hexagonal final, time Celeste cria as melhores chances, mas Brasil, com um a menos no segundo tempo, segura o resultado.
Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

Sem criatividade, a Seleção Brasileira viu seus melhores jogadores tentarem resolver na individualidade. O meia Adryan, do Flamengo, e o atacante Lucas Piazon, do São Paulo e vendido recentemente ao Chelsea, não tiveram a mesma sintonia de outrora e esbarraram na grande atuação da defesa uruguaia. A melhor chance veio em um desvio de Piazon, aos 2 minutos da etapa final. Avaliação do Globoesporte.

 

Com Guilherme como titular, Seleção Sub17 goleia no Sulamericano

Sábado, 26/03/2011
Globo Vídeos
Jogando com um time quase todo reserva, seleção não encontra dificuldades para golear colombianos e terminar a fase classificatória em primeiro do grupo B.

Melhores momentos: Brasil 5 x 1 Colômbia pelo Sul-americano sub-17

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

Era para ser uma mera formalidade. Todos os classificados para o hexagonal final já estavam definidos. A última etapa da primeira fase do Campeonato Sul-Americano Sub-17 serviria apenas para definir a posição de cada equipe, o que, na prática, não leva a vantagem alguma. Exceção feita ao Equador e ao Peru, nenhum dos técnicos hesitou em poupar boa parte de seus titulares. E, ainda assim, a rodada acabou sendo de grande valia ao Brasil.

A seleção foi a campo com apenas três de seus titulares: o zagueiro Marquinhos, o lateral Emerson e o goleiro Charles – que parece ter vencido de vez a disputa com Uilson. Armado em um esquema 4-2-2-2, o time contou com Allan e Misael na cabeça de área; Guilherme e Andrigo como meias de ligação; e Léo e Diego, adicionando velocidade ao ataque. A Colômbia, por sua vez, também vinha bastante incompleta. Apenas quatro jogadores que iniciaram o encontro já tinham sido titulares anteriormente na competição.

Leia a íntegra no site Olheiros