Vasco derrota Grêmio Osasco pela Copa São Paulo

Seg, 10 de Janeiro de 2010
G.E. Osasco 0x1 C.R. Vasco da Gama
14h no Estádio José Liberatti em Osasco

Gol de Luciano ‘Naninho’

Vasco: João Victor (Fabrício); Yago, Roni Carlo, Jean e Diogo; Pereira, Luciano, Andrey (Washinton) e Leandro Motta (Patrick Staduto); Willen e Rodrigo Dinamite. Comissão Técnica: Técnico: José Galdino. Coordenador: Jair Bragança. Prep. Físico: Newton Martins de Carvalho. T. de Goleiros: Marcio Cazorla.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

Com o Vasco já classificado o técnico Galdino resolveu colocar em campo jogadores que desejava observar. Dos 11 em campo, apenas o Goleiro João Victor, o Lateral Esquerdo Diogo e o Centroavante Willen foram titulares nos dois jogos anteriores.

Na lateral esquerda o substituto Dieyson foi enviado para a Copa Santiago, mas no gol e no ataque foi estranha a decisão de não entrar logo de saída com jogadores ainda não aproveitados.

Em campo pela primeira vez em jogos oficiais do Vasco estavam os filhos de Geovani e Roberto Dinamite. Na prática o time do Vasco não repetu o mesmo futebol das partidas passadas fundamentalmente pela inoperância de seu meio de campo.

Com Luciano Naninho recuado para a função de segundo volante, na posição que era desempenhada por Arthur, sendo o único a dar sequência às jogadas, o Vasco pouco ameaçou. Leandro Motta errou muitos passes e Andrey foi anulado pelas seguidas faltas.

Os laterais Diogo e Yago buscaram o jogo constantemente, Pereira lutou muito no meio para evitar que a Zaga ficasse exposta e no primeiro tempo Roni roubou a bola do atacante do Osasco na jogada mais aguda. No ataca, Willen chegou a voltar na marcação porque recebia poucas bolas e Rodrigo Dinamite tentou boas tabelas no pouco que participou.

Para o segundo tempo apenas o Técnico Galdino deu oportunidade ao Goleiro Fabrício, mas a mudança fundamental na partida para o Vasco foi a entrada de Washinton no meio, mais do que a entrada de Patrick fazendo que o Vasco jogasse com 3 atacantes.

Washinton deu outra movimentação à equipe embora as oportunidades criadas continuassem escassas.

Aos 16′ Luciano Naninho’ em bela jogada individual, aproveitando o rebote da zaga abriu o placar, com um golaço de canhota. Ao invés da vantagem facilitar para o Vasco, dificultou pois o Osasco fez alterações para chegar ao empate que o esquema do Vasco era incapaz de conter e sucessivamente o adversário teve chances perigosas de gol.

Com muito trabalho para o goleiro Fabrício o Vasco conseguiu chegar ao fim da partida em vantagem e sem tomar gols, fechando a chave de grupos com 100% de aproveitamento, 10 gols a favor e nenhum contra.

O próximo adversário do Vasco na Copinha, pela segunda fase da competição, deve ser o Paulista – time que o eliminou na edição do ano passado.

Anúncios

8 Respostas para “Vasco derrota Grêmio Osasco pela Copa São Paulo

  1. Neste jogo Willen quase digo não recebeu bola bem dizer nenhuma, ai ficou muito difícil, mais ele jogou foi muito, na medida do possível. E seu aniversário foi muito bem comemorado com a família presente. PARABÉNS.

    • Na verdade foi uma das melhores partidas do willen com ele mostrando uma de suas principais características que é a capacidade de voltar no meio, marcar e sair jogando.
      Teve uma chance clara num cruzamento do Patrick em que o goleiro defendeu por milagre.

      Será fundamental a partir de agora no mata-mata.

  2. Tbm concordo com 2 colegas acima. Esperava mais dos reservas e tbm acho Andrey e Rodrigo Dinamite abaixo do nível dos outros. O Yago é dessa categoria, pois ele parece novo e bem baixinho, acho ele mais habilidoso e técnico que o Heitor.
    Gostei bastante do Luciano, que eu nao havia visto jogar…
    Abs

    • Formação interessante com 3 atacantes. Muito raro no futebol.

      Não deu pra entender o porque ele não ter entrado de cara já que foi trazido de longe, era pra ter tido pelo menos uma partida para mostrar seu futebol, mas…

  3. O jogo bem bem fraco. Mesmo com os reservas acho que poderíamos ter atuado melhor. Acho que Andrey e Rodrigo Dinamite terão que procurar outro clube, pois estão bem abaixo do restante do elenco e isso fica ruim para eles.