Copa Santiago aposta na qualidade para garantir o futuro

O Vasco da Gama disputará em Janeiro o Torneio Internacional Copa Santiago de Futebol Juvenil. Nossos torcedores nesta época do ano estão acostumados a voltar suas atenções apenas para a Copa São Paulo de Futebol Júnior, até pela pouca tradição do cruzmaltino em disputar aquele importante torneio do Rio Grande do Sul.

Em 2010, o Vasco levou uma equipe baseada na Geração 93 e sofreu na disputa física com os demais adversários, porém, o bom futebol apresentado encantou público e organizadores. Neste ano o clube promete levar novamente a mesma geração que mais amadurecida e capaz de suportar o jogo físico, tem tudo para ir mais longe na competição.

O cronista Esportivo Jorge Costa fez a seguinte análise da edição deste ano do torneio, que dá idéia de sua dimensão:

É claro que os tempos mudaram, que os clubes praticamente profissionalizaram seus departamentos juvenis e com isso aumentaram as exigências, fator que redundou em mais gastos. Se muita coisa mudou e se o nível de exigência do torcedor também mudou, era preciso fazer alguma coisa.

A direção estrelada diminui a quantidade de times para a 23ª edição e primou pela qualidade. Inter e Grêmio sempre serão atrações. Vasco e Atlético-PR já estão consagrados aqui. O América parece um talismã. Quando seus juvenis vieram pela primeiras  vez a equipe principal estava na série C, subiu para a B. O América volta e o time principal já esta na série A.

Aliás, exceção feita ao Cruzeiro, dono da casa, todos os brasileiros são da série A. Dentre os estrangeiros a novidade será o Universidad do Chile, segunda equipe em importância no país. Danúbio, Defensor e Guarani já são conhecidos por aqui e tem o aval dos torcedores.

O Ranking do Site Olheiros distribui pontuação até o 4° colocada da Copa Santiago com o Campeão fazendo jus à 30 pontos.

Anúncios

Os comentários estão desativados.