Vascaínos alcançando a maioridade futebolística em 2011 – Parte 2

Situação Contratual:

    Para avaliação da questão contratual, resolvi dividir o grupo em 3 situações. Em fim de contrato, em fase de pré-contrato e com contrato em vigor:

    Em fim de Contrato: Paquetá, Carlos Antônio, Renan Granha, Daniel Silva, Giovanni, Dirceu Jr., Rômulo, Tiago Myrrha e Guilherme Alves

    9 atletas estão com seus contratos chegando ao fim de dezembro ou janeiro de 2011, eles têm as mais variadas histórias no Vasco mas vamos nos concentrar nas suas participações recentes.

    Rômulo foi um dos destaques vindos das divisões de base do Vasco com participação na equipe Adulta e segundo o Diretor-Executivo Rodrigo Caetano, tem tudo acertado para um renovação.

    Paquetá, Daniel Silva e Giovanni vieram por curto período para o Sub23. Renan Granha, Tiago Myrrha e Guilherme Alves não atuaram pelas competições do 2° semestre e Dirceu Jr. está retornando de empréstimo ao Macaé EFC.

    Carlos Antônio voltou de contusão e só atuou no OPG.

    Época de pré-contrato: Cestaro, Adílson, Jeferson Silva e Vinícius Reis.

    Cestaro e Adílson são goleiros, Jéferson Silva chegou a participar da campanha do Adulto do Vasco no Brasileiro e Vinícius Reis, contratado para o Sub23, também participou do OPG.

    A prudência recomenda que, para que eles sejam integrados definitivamente à equipe adulta do Vasco ou emprestados para que ganhem experiência, tenham seus contratos renovados.

    Com contrato em vigor: Maicon Assis, Lipe, Carlinhos, Douglas, Éder, Máx, Renato Augusto, Matheus Avaler, Dico e Genílson.

    Renato Augusto, dos campeões estaduais de 2010, foi o último a subir para o Adulto mas foi titular em muitos jogos da reta final do Brasileiro. Carlinhos teve algumas oportunidades pela Lateral Esquerda e Lipe esteve compondo o grupo do Adulto, sempre atrás do Centroavante Nílson, um ano mais jovem.

    Os Zagueiro Douglas e Genílson consistentemente treinavam com a equipe Adulta porém sem oportunidades de atuar. Máx, por outro lado, foi improvisado na Lateral Esquerda e destacou-se durante o Brasileiro.

    Maicon Assis não atuou no 2° semestre e Éder e Dico foram emprestados ao Vasco da Gama de Sines.

    Neste momento em que o Vasco monta seu elenco para 2011 é que a sorte e o destino deste atletas está em jogo pois não mais poderão contar com as divisões de base para abrigá-los.

    Ver também: Vascaínos alcançando a maioridade futebolística em 2011 – Parte 1

     

     

    Anúncios

    9 Respostas para “Vascaínos alcançando a maioridade futebolística em 2011 – Parte 2

      • Diferentemente dos meias que vieram para o sub23 com contratos curtos, os zagueiros vieram com contratos de 3 anos e estão em 2010 estourando a idade júnior.
        o Genílson ficou mais tempo treinando com o Adulto e chegou a ser relacionado para um jogo do Brasileirão. O Matheus não teve as mesmas oportunidades em 2010 e jogou sub23 e opg.

    1. Canizio vc sabe se o Giovanni e o Daniel que vieram do tigres vão renovar eles jogam muito e queria que eles ficassem.

    2. o vasco poderia renovar com o Romulo e o Carlos Antonio para o profissional deste ano, os demais renovar por um curto prazo, para uma avaliação em um clube profissioanl, os estaduais estão ai pra isso, times de menor expressão tem visibilidade no estadual.
      Cestaro, Adílson, Jeferson Silva e Vinícius Reis pre contratos, deveria ser renovado com adilson e cestaro, para compor o elenco principal, jeferson silva deveria ser emprestado para um clube onde o estadual tem pegada, RS, MG, SP, ou até mesmo o RJ, o vasco precisa avaliar este jogador em campo, ele tem potencial.
      Com contrato em vigor: Maicon Assis, Lipe, Carlinhos, Douglas, Éder, Máx, Renato Augusto, Matheus Avaler, Dico e Genílson. desses o vasco deveria dar mais oportunidades para o Lipe, Nilson, Genilson e Douglas, são jogadores com grande capacidade de ser titular, e o lipe assim que tiver uma oportunidade vai suprir a carencia de gols da equipe, confio nele o cara foi artilheiro em tudo na base. Máx, Renato Augusto ja são realidade, e os demais poderia ser emprestado não da pra aproveitar todos no grupo.
      Nossa base é forte.

    3. Pra mim deveriam renovar com todos e emprestá-los (todos os que não forem aproveitados no profissional) para um mesmo time. Teríamos uma base melhor de comparação do que se emprestar cada um para um time diferente.

    4. A diretoria tinha que contratar os dois meias que vieram do Tigres em definitivo, pois são bons jogadores.