Sub13 do Vasco cedeu título apenas nos pênaltis

Dom, 14 de Novembro de 2010
Fluminense F.C. (5)0x0(4) C.R. Vasco da Gama
10h em Xerém

Vasco: João Paulo; Pedro Vilela, Matheus Barbosa, Ricardo Graça e Souza (João Maciel); Fabiano (Lucas Santos), João Victor, Gabriel Soeiro (Matoso) e Bruno Cosendey; Leandro Ferreira e Caio Monteiro. Técnico: Sérgio de Oliveira. Coordenador: Fábio Fernandes. Prep. Físico: Thiago Borges. T. Goleiros: Rodrigo Pinheiro. Diretor: Manuel Pereira. Suplente: Yuri Fialho, Cassinho, Thiago Luiz e Gerônimo.

Bem, a história é contada pelos vencedores. Que o site oficial do Fluminense se divirta com a resenha da partida.

Pros leitores do BlogdeBase e particularmente aos Vascaínos, deixo meu depoimento de uma temporada maravilhosa da geração 97 pelo Mirim do Vasco.

Meninos que me encheram de orgulho por seu comportamento dentro e fora do campo. A vocês, atletas, meu muito obrigado por defenderem tão dignamente a camisa do Vasco por esses estádios afora. Continuem no caminho certo.

Pais participativos na vida de seus filhos e na do próprio Vasco. Hoje para mim, é difícil imaginar algum sócio com relação mais íntima com o clube do que vocês. Nos encontraremos ao longo da jornada.

Ao coordenador Fábio Fernandes, parabéns por fazer parte fundamental na educação e na forma de se comportar dos atletas que vestem a camisa do Vasco. Numa época em que o moderno é pensar em fábrica, quando se trata de atletas mirins, você é um baluarte da escola de futebol educando para a vida.

Ao Diretor Manuel Pereira, que não deixe de levar ao conhecimentos dos conselheiros do Vasco nossa responsabilidade de fornecer o melhor que pudermos aos nossos atletas, como se nossos filhos fossem. Sei que individualmente o senhor faz o que pode pelos que mais necessitam mas, somente o Vasco como um todo pode transformar para melhor gerações.

Por um orçamento próprio para a Base do Vasco, por uma Base capaz de fornecer uma experiência transfomadora, me despeço do futebol nas manhães de Domingo de 2010, já com saudades.

Com a palavra o Coordenador Fábio Fernandes:

Realmente essa geração 97 de alguma forma é especial pra mim. Todas são importantes, tenho o maior respeito e carinho pelas diversas faixas etárias com quem trabalhei e trabalho, mas essa de 97 é diferente.

São meninos especiais, talentosos, dedicados, que ao longo desse ano fizeram um grande trabalho, cresceram, evoluiram como atletas e principalmente como homens. E por isso afirmo, é um grupo de VENCEDORES! Disputaram a Final de TODAS as competições que participaram esse ano, e em campo, com a bola rolando, NÃO PERDERAM nenhuma! Só conseguiram nos superar nos Pênaltis. E antes que perguntem, esses meninos treinaram e muito os Pênaltis, mas só posso crer que o plano de DEUS era esse mesmo. Com certeza, reservando algo muito melhor para eles mais a frente!

Aos pais, o meu muito obrigado por toda a força e parabéns pelos filhos que vcs têm! A todos, sem distinção! Continuem dando todo o apoio aos seus filhos pois eles merecem e muito

Ao incansável Sr. Manuel Pereira, por todo o respaldo, presença e apoio ao nosso trabalho, também o meu agardecimento e dizer que sua presença será com certeza um divisor de águas na Base do Vasco da Gama.

A Comissão Técnica: Oliveira, China, Thiago, Rodrigo, Ademir, Jacó e Vanessa, parabéns pelo excelente trabalho. Só nós sabemos como muitas vezes nosso trabalho é difícil, mas em nenhum momento esmorecemos e pudemos fazer o nosso melhor!

E por fim, aos ATLETAS que me deram a ceretza ao fim dessa jornada que essa geração 97 trará muitos frutos ao VASCO. Não esmoreçam nunca! Vocês foram GRANDES, DIGNOS, representaram da melhor maneira possível nosso clube e com certeza absoluta, terão pela frente um caminho de VITÓRIAS E SUCESSO, no FUTEBOL e na VIDA!

 

Anúncios

9 Respostas para “Sub13 do Vasco cedeu título apenas nos pênaltis

  1. ACOMPANHAR DE PERTO OS JOGOS DESSES MEUS ¨FILHOS¨, E PODER VER A EVOLUÇÃO DE CADA UM, É DE FATO MOTIVO DE MUITA HONRRA E MUITO ORGULHO.
    NÃO POSSO DEIXAR DE SER REPETITIVO, E PARABENIZAR A TODOS NOVAMENTE, PELO SUCESSO DESTE TRABALHO QUE INICIOU-SE EM 2004, AOS PROFISSIONAIS, ATLETAS, PAIS E PRINCIPALMENTE AO NOSSOS ATLETAS, QUE DE MANEIRA ÚNICA RENOVARAM NOSSAS ESPERANÇAS DE CONTINUAR A AMAR ESTE CLUB DE TANTAS GLÓRIAS E CONQUISTAS.

    AO COORDENADOR COMPETENTE, Sr. FÁBIO FERNANDES, NÃO PODERIA DEIXAR DE LEMBRÁ-LO QUE A DENOMINAÇÃO ¨DIVISOR DE AGUAS¨ SE DÁ AO ATO/FATO QUE ALGUEM OU AO GRUPO DE PESSOAS QUE CRIARAM ALGO QUE NUNCA EXISTIU, OU QUE TENHA TRANSFORMADO PARA MELHOR.

    ESTA CATEGORIA A DOS 97, FORA CRIADA EM 2004, QUANDO ASSUMIMOS O FUTSAL DO CLUB, QUANDO LANÇAMOS O 1ª CLUB GRANDE DO RIO A DISPUTAR O ESTADUAL DE CHUPETINHA, COMO MARCOS PAULO, LUCAS, FABIANO E ETC…

    NO 2º SEMESTRE DE 2004, CRIAMOS A ADAPTAÇÃO SALÃO/CAMPO NA GRAMA SINTÉTICA, COMANDADA PELO ATUAL TREINADOR OLIVEIRA, VIERAM, LEANDRINHO, O NOSSO ARTILHEIRO,CAIO, SOUZA, JACOZINHO E TANTOS OUTROS, SEM FALAR DOS 94, 95, 96 E ATÉ O LEANDRO, PROFISSIONAL 92.

    EM 2005 CRIAMOS A CATEGORIA DENTE DE LEITE E OFICIALIZAMOS O PRÉ-MIRIM COM UMA COM TÉC EXCLUSIVA.

    EM 2006 INCLUÍMOS ESTES NOVOS ATLETAS NAS VAGAS EM NOSSA ESCOLA E TAMBÉM NA LISTA DE NOSSO REFEITÓRIO, PARA AS REFEIÇÕES, QUE ANTES SÓ ERA PERMITIDOS PARA OS ATLETAS DO CAMPO. E ETC… E ETC…

    Sr. FÁBIO FERNANDES, PREFIRO ACREDITAR E AÍ ATÉ ENTENDO QUE ESTE SEU JULGAMENTO, SEJA MUITO MAIS POLÍTICO DO QUE VERDADEIRO, MESMO ASSIM RATIFICO MEUS PARABÉNS A VC TAMBÉM.

    MARCIO FERNANDES – EX DIRETOR E MEMBRO DA EQUIPE QUE CRIOU A INICIAÇÃO DO FUTSAL E FUTEBOL AMADOR DO VASCO DE 05 A 13 ANOS.

    • Sr. Marcio Fernandes
      Inicialmente obrigado pelos parabéns!

      O Senhor melhor do que ninguém sabe de minha dedicação, e profissionalismo nos anos em que trabalhamos juntos. Que sempre trabalhei buscando o melhor para as equipes de Base do nosso Clube.
      Reconheço todo o importante trabalho feito na administração anterior da qual o Senhor fez parte, também com certeza absoluta, visando isso.
      E que hoje continuo com a mesma postura, trabalhando de forma isenta, sem qualquer envolvimento político como o Senhor quis insinuar.

      Cheguei ao Vasco em 2000, como estagiário , indicado pelo meu Professor na UFRJ e Preparador Físico da equipe de Futsal adulta Luis Verdini. Nunca tive e até hoje não tenho qualquer “padrinho” . Tudo que conquistei dentro do Clube foi fruto de meu trabalho. Com a troca da administração, tinha a certeza que não mais trabalharia no Vasco, e para minha surpresa, fui mantido, sem conhecer ninguém da nova direção que assumia o clube, apenas sendo informado que permanecia por indicação de outros profissionais que conheciam meu trabalho e minha postura profissional.

      Por fim, minha frase no meu comentário foi: “…dizer que sua presença será com certeza um divisor de águas na Base do Vasco da Gama”.
      O verbo “será” mostra minha vontade em acreditar que possamos ter uma base cada vez mais forte. Ainda temos muito a melhorar, muito a fazer e vejo no Sr. Manuel Pereira alguém que poderá trazer sua contribuição para tal, como o Senhor deu no período em que foi diretor. Esse é omeu mais profundo desejo independente de quem esteja à frente da Direção do clube, para o bem desse gigante que é o Club de Regatas Vasco da Gama.

  2. Bem, vamos ver se consigo escrever tudo que sinto…
    Ao Canizio um agradecimento mais do que especial, pois o apoio e conselhos que deu ao meu filho jamais serão esquecidos. Tenha certeza que você ganhou um amigo. Ao Fábio uma admiração sem tamanho, por sua competência no trabalho que exerce e na forma que trata todos os meninos e pais tenho certeza que é uma UNANIMIDADE no Vasco. É o melhor coordenador que meu filho trabalhou. Quando meu filho estava precisando de ajuda, de uma conversa, você conseguiu achar as palavras que eu não consegui e hoje ele não desistiu do sonho de ser jogador de futebol graças a você, jamais nos esqueceremos disso. Ao Alexandre Cosenday, que ao ver meu filho jogando me incentivou a levá-lo para fazer o teste e hoje me ajuda levando o Ricardo ao treino, a todos os pais e jogadores do 97 o meu muito obrigado pelo respeito e lealdade que meu filho foi tratado desde o seu 1º dia de teste. Ao meu FILHO por ter nos dado tantos momentos inesquecíveis este ano. Hoje nos enchemos de ORGULHO em fazer parte do grupo 97 do VASCO DA GAMA.

  3. Nestes 2 últimos anos em que meu filho esteve com este grupo ele aprendeu muita coisa. Ele aprendeu a respeitar os companheiros sejam do Vasco ou não, aprendeu a ouvir a voz da experiência dos treinadores e coordenadores, aprendeu a saber a hora certa de falar, aprendeu a se virar sozinho desde cuidar de sua roupa até a alimentação, aprendeu a conquistar as amizades ao invés de cultivar inimigos e principalmente ele conseguiu me ensinar tudo isto. Tenho certeza que nada disto está incluído na grade de treinamentos do Clube, mas é justamente esta, a diferença que a Comissão Técnica faz.

    Tenho a obrigação de agradecer aos treinadores Oliveira e Rodrigo por mantê-lo no grupo mesmo sabendo que a utilização não seria imediata. Ao Fábio Fernandes que sempre está disponível para ouvir e resolver quaisquer que sejam as dúvidas ou problemas. Ao Sr Manuel pela incansável busca de melhores condições de treinamento para o grupo. Ao China, Thiago Jacó, Vanessa e Sr Ademir pelos dias, semanas, meses de incansável ajuda e dedicação com o grupo.

    Tenho certeza, que mesmo falando por mim, estas palavras serão também de outros pais. Todos nós sabemos disso, todos nós vimos isto acontecer com nossos filhos e este grupo de 97 é mesmo muito especial.

    Eu não trocaria todo este carinho, esta amizade e este aprendizado por nenhuma vitória em campo. Nós pais, só temos mais um compromisso, nossos filhos precisam saber que na vida sempre teremos vitórias e derrotas. As vitórias nos consolarão na hora da derrota, mas sem dúvida é com a derrota que aprenderemos a vencer.

  4. só voces mesmo para encher os meus olhos de lágrimas e meu coração de alegria, e antes mesmo de acabar o ano já sinto saudades.

    sinto um imenso orgulho por meu filho fazer parte dessa familia VASCAINA.

    agradeço a DEUS por ter colocado pessoas profissionais a frente deste trabalho.

    OBRIGADO.

  5. É com imenso orgulho e com lágrimas nos olhos que lemos seu depoimento.
    A cada dia que passa vejo que tomamos a decisão certa, graças a DEUS, em nos agregarmos ao VASCO. Não falo somente do Clube Vasco da Gama, mas da Família Vasco da Gama pois nossos filhos estão sendo EDUCADOS e tornando-se Homens de caráter!!!!!
    Obrigada Fábio por tratar nosso filho como se fosse o seu, e olha que você nem os têm, ainda!!!!!
    A você, Canízio, não poderíamos esperar outra atitude; uma pessoa que serve sempre para somar e não para ser mais um…!
    A voces filhos abençoados, que chegaram a final de todos os campeonatos que participaram e, conseguiram um feito enorme: mantiveram um placar de 0 x 0 dentro de Xerém, coisa que eles jamais acreditariam acontecer… MEUS PARABÉNS!!!!

  6. Emocionantes os depoimentos

    Tanto o do Fábio, como o do Canizio

    Muit saber que temos pessoas olhando pela base de nosso clube de maneira tão digna

    Com certeza ese grupo é vencedor

    Ainda são jovens, perderam nos pênaltis apenas e com um regulamento que beneficiava o Fluminense.

    A dor da perda vai fazer com que os meninos amadureçam

    A derrota de hoje, representará muitas outras vitórias amanhã. Não tenho dúvidas disso.

    E vamos agora tiorcer para os sub-15 vingarem o sub-13

  7. Canízio,
    Confesso que me emocionei ao ler suas palavras. Só você pra conseguir captar tão bem o que representou o trabalho dese grupo. Obrigado mesmo a você, um verdadeiro herói!

    Realmente essa geração 97 de alguma forma é especial pra mim. Todas são importantes, tenho o maior respeito e carinho pelas diversas faixas etárias com quem trabalhei e trabalho, mas essa de 97 é diferente.
    São meninos especiais, talentosos, dedicados, que ao longo desse ano fizeram um grande trabalho, cresceram, evoluiram como atletas e principalmente como homens. E por isso afirmo, é um grupo de VENCEDORES! Disputaram a Final de TODAS as competições que participaram esse ano, e em campo, com a bola rolando, NÃO PERDERAM nenhuma! Só conseguiram nos superar nos Pênaltis. E antes que perguntem, esses meninos treinaram e muito os Pênaltis, mas só posso crer que o plano de DEUS era esse mesmo. Com certeza, reservando algo muito melhor para eles mais a frente!

    Aos pais, o meu muito obrigado por toda a força e parabéns pelos filhos que vcs têm! A todos, sem distinção! Continuem dando todo o apoio aos seus filhos pois eles merecem e muito

    Ao incansável Sr. Manuel Pereira, por todo o respaldo, presença e apoio ao nosso trabalho, também o meu agardecimento e dizer que sua presença será com certeza um divisor de águas na Base do Vasco da Gama.

    A Comissão Técnica: Oliveira, China, Thiago, Rodrigo, Ademir, Jacó e Vanessa, parabéns pelo excelente trabalho. Só nós sabemos como muitas vezes nosso trabalho é difícil, mas em nenhum momento esmorecemos e pudemos fazer o nosso melhor!

    E por fim, aos ATLETAS que me deram a ceretza ao fim dessa jornada que essa geração 97 trará muitos frutos ao VASCO. Não esmoreçam nunca! Vocês foram GRANDES, DIGNOS, representaram da melhor maneira possível nosso clube e com certeza absoluta, terão pela frente um caminho de VITÓRIAS E SUCESSO, no FUTEBOL e na VIDA!

    • Eu como pai so tenho que agradecer a Deus, por meu filho fazer parte dessa geraçao 97, desse grupo de pessoas que se transformaram em familiares nossos. A todos os garotos , tanto os que jogaram como tambem os que nao jogaram mais apoiaram, torceram e sofreram juntos e é por isso que este grupo é especial. Ao Canizio, faltam palavras para dizer muito obrigado. A toda comissao tecnica, muito obrigado. A voce Fabio Fernandes, meu especial obrigado por toda dedicaçao que voce dar nao apenas a geraçao 97 e sim a todos os garotos da base.