Sub20 do Vasco perde para o Tigres pela OPG

Sáb, 6 de Novembro de 2010
C.R. Vasco da Gama 2×3 Tigres do Brasil F.C.
16h no CT VRP em Seropédica

Gols de Luan Costa e Carlos Antônio

Vasco: Lucas Covolan; Caio Oliveira (Yago Andrade), Matheus Avelar, Allan Miguel e Dieyson; Luan Pereira, Luan Costa, Giovanni (Paquetá) e Vinícius Reis (Carlos Antônio); Lipe e Daniel Silva. Técnico: José Galdino. Coordenador: Jair Bragança. Prep. Físico: Newton Martins de Carvalho. T. de Goleiros: Marcio Cazorla. Suplentes: João Victor, Júnior Fell, Daniel Fernandes e Romário Souza.

O Sub20 do Vasco voltou a decepcionar ao perder ‘em casa’ para o Tigres pelo OPG. Mas primeiro vamos às boas notícias. O volante Luan Costa que não vinha tendo oportunidades desde a Copa SP 2010, voltou a ser aproveitado e marcou gols nas duas partidas que disputou. O Centroavante Lipe marcou 2 na partida passada e nesta estava voando fisicamente, veloz e lutando até o fim. E por último, a volta do atacante Carlos Antônio, totalmente recuperado e marcando gol mesmo jogando poucos minutos.

Ainda, o filho de Geovani, Andrey, que se recuperava de cirurgia no joelho, já está totalmente recuperado e estava de sobreaviso nesta partida.

A partida enganou pela tranquilidade do primeiro tempo onde o Vasco abriu o marcador com um gol de cabeça do Volante Luan Costa que estava na área bem colocado entre os zagueiros. A equipe parecia organizada com o Juvenil Luan Pereira na cabeça de área mais o próprio Luan Costa que saia mais para o jogo e dois meias, Giovani e Vinícius Reis na armação.

As oportunidade de gol foram poucas mas o Goleiro Lucas Covolan não foi ameaçado.

No segundo tempo, em 20 minutos o Tigres virou. Primeiro num chute da entrada da área e depois numa jogada que iniciou-se de lance irregular onde o jogador do Tigres roubou a bola com a mão para se valer do contrataque.

O jogo foi para parada técnica e no reinício com cobrança de falta lateral para o Tigres, de cabeça ampliaram para 3 a 1.

O Técnico Galdino que apenas havia colocado o Lateral Yago na lugar de Caio, usou suas duas últimas alterações entrado com Carlos Antônio e Paquetá, passando a jogar com três atacantes.

Na verdade o espírito de luta da equipe conseguiu ainda reduzir o marcador embora fosse tarde para evitar mais esse mal resultado.

Na próxima rodado o Sub20 do Vasco enfrenta o Flamengo na Gávea.

Anúncios