Diogo demonstra capacidade para enfrentar desafios

O Técnico PC Gusmão que apostou em Diogo, aprovou sua estréia:

O Diogo foi muito bem e eu sabia que isso iria acontecer, pois tínhamos muita confiança nele. Isso é resultado de um trabalho de renovação que estamos fazendo e vamos colher ainda mais frutos lá na frente – salientou PC Gusmão com transcrição do esportes.uol.

Gostei dele. Perguntaram-me se era um risco, mas quando acompanhamos o dia a dia e se faz um trabalho de renovação dentro da competição, sabemos o que pode dar certo”, disse o treinador, ao comentar que conversou com Diogo para que ele não se sentisse acuado em campo.

Conversei com ele para tirar o peso que havia em cima dele e jogá-lo para mim. Ele foi bem e Deus o premiou com grande atuação, completou, com transcrição do esporte.terra.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

Diogo Mendanha é o caso mais clássico de jogador revelado pelo Vasco. Sim, revelado. Com apenas 4 jogos pelo Júnior do Vasco, o clube nada tem com sua formação, mas com uma estréia dessas pelo Adulto logo contra o Flamengo em Campeonato Brasileiro, fica para o cruzmaltino o rótulo de tê-lo revelado.

O que o garoto que veio do Vila Nova mostrou não foi um primor de técnica ou de produtividade mas, comportamento de quem em nenhum momento se intimidou. Se não se intimidou com o clássico dos Milhões, então não deve se intimidar com mais nada no futebol.

Apesar de não o ter formado, o Vasco pode ainda participar ativamente de sua formação. Se investir em Diogo mais que o salário, se lhe der condições de amadurecer física e socialmente antes que a idade adulta se complete, com certeza poderá assim realizar ao máximo seu potencial como atleta e obter o retorno financeiro necessário.

E isso vale para todos que hoje estão na Categoria Júnior do Vasco.

Anúncios

2 Respostas para “Diogo demonstra capacidade para enfrentar desafios

  1. Achei que ele teve boa estréia. Jogou com muita responsabilidade, sabendo que os rivais iam jogar em cima dele o tempo todo.

  2. Ele me pareceu excelente jogador, habilidoso, com personalidade, marcou bem e ainda partiu em alguns lances para cima de um excelente lateral que é o Leonardo Moura, que não se criou em nenhum momento. Posso estar enganado, mas me pareceu o primeiro craque dessa geração.